Fisio clube
page-item-selected

Tenofibrólise com ganchos

É um método que consiste na utilização de ganchos, que se adaptam à região ou ao tipo de estrutura a tratar. É muito útil para conseguirmos chegar a pontos específicos e de difícil acesso com o contacto digital. O método permite libertar aderências e restabelecer a mobilidade.

Está indicado em todas a situações articulares, nomeadamente, aderências capsulares com perda de elasticidade, ligamentos, tendões, fáscias, quelóides de sequelas cirúrgicas. A nível vascular, é útil em casos de sequelas resultantes de hematomas, provoca um efeito hemodinâmico reflexo, pela libertação histamínica, que favorece a drenagem e a eliminação de toxinas inflamatórias. A própria libertação fascial vai favorecer a circulação e retorno (venoso e linfático).

As patologias típicas mais tratadas são: Epicondilites, epitrocleites, tendinites, contracturas, ciáticas, lombalgias, torcicolos, pubalgias, cicatrizes fibrosadas cutâneas e musculares.